Menu

Popular, um apoio firme para a dinamização empresarial

31/05/2017 - Mundo

Embarcamos de novo, depois de um primeiro post de apresentação, o relatório da PwC, em que se detalha o impacto da atividade Popular no desenvolvimento da economia e da sociedade espanhola. Hoje vamos oferecer algumas cifras relativas à contribuição do Banco para a dinamização empresarial, principalmente, pelo apoio às pequenas e médias empresas e para os trabalhadores independentes, tanto em matéria de financiamento, como pela sua utilização como fornecedores.
No que diz respeito ao financiamento, as linhas ICO são o melhor exemplo do pulso do tecido empresarial português, especialmente de pequenas e médias empresas. No relatório da PwC reflete a liderança Popular na disposição de dotações ORÇAMENTAIS, tanto em 2012 como em 2013 (em 2014 tem mantido essa posição). Mais de 35.000 empresas se beneficiaram nesses dois anos de dotações ORÇAMENTAIS levados a cabo pela Popular, que conseguiu uma quota de mercado neste segmento de 22%. No total, foram registrados 57.300 operações, que representam 3.085 milhões de euros em dotações ORÇAMENTAIS para pequenas e médias empresas. Lembre-se que em 2014 Popular voltou a ser líder na prestação deste tipo de créditos, com um aumento de 1.415 milhões em relação a 2013, até chegar a 4.500.
A presença das pequenas e médias empresas no DNA Popular também mostra os números de clientes. Quase 1.300.000 pequenas empresas e autônomos -1 de cada quatro que existem na Espanha – trabalhavam com o Banco em 2012-2013 (neste último ano de 2014 aderiram 78.000 pequenas empresas como clientes novos). No total, 6.900 milhões de euros foram destinados pelo Popular para o financiamento de pequenas e médias empresas. No total do financiamento concedido pelo banco, o segmento de pequenas e médias empresas foi de 42%, a mais alta cifra de todo o setor bancário espanhol.
Outra parte do apoio Popular ao tecido empresarial português é o fomento da economia local com compras a fornecedores espanhóis (97% do total do faturamento). Quase 2.600 se viram beneficiados pelas compras do Banco, com um faturamento de 371,8 milhões de euros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *